sábado, 7 de março de 2009

autárquicas 2009


Com a aproximação das autárquicas e o nervosismo que se vai instalando entre as hostes partidárias, natural é que surjam as mais variadas notícias e entrevistas em que os candidatos dos partidos quererão demonstrar que possuem um programa de continuidade, no caso do PSD, e de alternativa no caso dos restantes, principalmente o PS que, de facto, é o único que demonstra ter capacidade para eventualmente derrotar Macedo Vieira, tido já como o “candidato-fantasma” de 2009, face ao tabu que vem alimentando junto da opinião pública.

Não será de admirar que brevemente surjam as mais variadas entrevistas a incidir, naturalmente, sobre Aires Pereira e Macedo Vieira, que exercem um controle sobre a comunicação social poveira alimentada com o dinheiro dos contribuintes.

Já estou preparado para ouvir Macedo Vieira dizer que vai candidatar-se a um último mandato, porque as pessoas precisam dele, principalmente neste grave período de crise, em que ele é o homem certo para se dedicar às pessoas, porque ao longo dos seus mandatos sempre apoiou as instituições de solidariedade social e por isso tem o “know how”, como também estou preparado para ouvir Aires Pereira, no estilo desportista que o caracteriza, que em equipa ganhadora não se mexe e, portanto, a pedido do Dr. Macedo Vieira fará com ele uma equipa em que a característica fundamental será um misto de veterania com alguma juventude.

Isto é, com ligeira margem de erro, aquilo que vamos ouvir.

Mas eu quero saber mais coisas.

Da boca de Macedo Vieira eu quero uma cabal e definitiva explicação sobre as razões da constituição da sociedade de compra e venda de imóveis, a Mardebeiriz, Lda, qual o volume de negócios durante os anos em que esteve activa se é que já não está, e qual o papel do Gomes do Marinheiro como sócio.

Pretendo saber também se Macedo Vieira já devolveu ao Município os 190 mil euros conforme o IGAT recomendou em 2005, onde se diz que ele deve devolver metade do salário que auferiu até 2003, como pode ler aqui.

Na época, Macedo Vieira argumentou que o caso estava entregue ao Ministério Público, mas como os portugueses deixaram há muito tempo de confiar nessa estrutura judicial, é tempo de se esclarecer de uma vez por todas esta questão: tem Macedo Vieira de devolver os 38 mil contos ou não?

Isto tem de ser respondido antes da eleições autárquicas de 2009. Não quero, como não devem querer os poveiros, um tipo a candidatar-se a um cargo com um manto turvo e cinzento sobre a cabeça.

De Aires Pereira pretendo saber se já foi inocentado do crime de abuso de poder em que foi condenado no Tribunal da Póvoa de Varzim, juntamente com Dourado, a propósito da reforma compulsiva deste, e cuja decisão foi confirmada pelo Tribunal da Relação do Porto.

Não podemos permitir que um criminoso se pavoneie pelos corredores de uma casa que representa toda uma população. Não foi para praticar crimes que Aires Pereira foi eleito.

Qualquer entrevista que não aborde estes assuntos está condenada a ser tida como oca, comprada e apenas para servir os interesses dos próprios, colocando em causa a qualidade e verticalidade do jornalismo.









10 comentários:

Anónimo disse...

Só isto Tony, não tens mais nada a perguntar a ninguém???

Claro que relativamente aos que têm estado no poder há mais uma infinidade de questões bem pertinentes a colocar, eu, pessoalmente quero saber muito mais sobre a cobarde e ruinosa gestão do Zé Vieira e do Aires.

E sobre a oposição também quero saber o que andaram por lá a fazer estes anos todos, estes também têm que prestar contas porque também tinham um papel a desempenhar, particularmente os do PS.

E já agora, se é verdade que Zé Vieira criou um tabu com o anuncio da sua recandidatura, então e a oposição, não têm nada nem ninguem a propôr para as próximas eleições??

Será que estão com medo em dar a conhecer atempadamente os seus candidatos???, será que são assim tão fraquinhos que se apresentados já ficarão queimados até lá???, ou será que existe mas é um grande vazio em todos eles e com o aproximar das ditas eleições vão apresentar umas "aves raras" que nem para churrasco servem???

É por aqui que tens que questionar tony!!!, digo eu, não sei!!!

povoa de varzim online disse...

Os do PS nunca foram poder, não têm suspeitas de qualquer espécie sobra as suas actividades. Se o que fizeram foi bom ou mau, as pessoas julgarão.

Coisa bem diferente são os que lá estão há 16 e 20 anos. Esses sim têm muito que responder.

Parece que fui claro.

Anónimo disse...

Muito bom post Tony.
Pena é que tanta gentinha fique incomodada com as verdades e tente fugir da questão fulcral:
Temos autarcas corruptos!

Ala arriba disse...

Realmente há cada uma!

Temos o PSD há 20 anos no poder.

O Presidente da CM faz uma empresa imobiliária com um empresário da terra.

O Vice-presidente está condenado em tribunal pelo crime de abuso de poder.

Toda a gente sabe da existência de apartamentos e quintas dos vereadores.

NO ENTANTO ALGUNS SECTÁRIOS, AINDA ASSIM, QUEREM ATACAR O PS??!

Podem atacar o PS pelo que faz ou não em vila do conde, em matosinhos ou até no governo central, mas na PÓVOA??
ONDE NUNCA FOI PODER??
Haja paciência!

É TEMPO DE MUDAR!

Anónimo disse...

hahahahhahaha!!!!!, que giro!!!, esta malta está toda feita uns com os outros!!!, é tudo malta do PS a querer criar factos politicos de forma anónima, mas que grande cobardia!!!!, só por isto, pela vossa cobardia e falta de dignidade não merecem mais que Zé Vieira e Aires representar os poveiros: Isto é tudo uma grande treta montada pelo PS, estão denunciados, são todos feitos da mesma massa os do PS e os do PSD, bem os dos outros partidos também não são muito melhores, mas pelo menos dão a cara, não são coberdes!!!

povoa de varzim online disse...

Quem é que dá a cara?

Anónimo disse...

laranjal muito preocupado para os lados da póvoa de varzim...

Anónimo disse...

Essa do laranjal não pega pá!!!, diz antes: POVEIRO, apartidário (os partidos metem-me nojo!!!), muito preocupado com o futuro da sua terra,

Se os do PSD já provaram ser maus os do PS não serão melhores, se calhar ainda seriam piores, pois os do PSD já se encheram e os do PS estão á espera da sua vez para se encherem também, ou acham que somos ingenuos???,

Primeiro provem na sociedqade civil que são crediveis, honestos, com trabalho feito e provas dadas profissionalmente (só vejo boys no PS!!) e então apresentem-se aos poveiros para os servirem e não para se servirem.

A actividade politica não é carreira profissional para ninguém, só os cidadãos com provas dadas na sociedade deveriam poder ser candidados a cargos públicos e não recem-formado, sem experiência profissional nem de vida que se encostam aos partidos á procura de tachos, porque trabalhar, vergar a móla, custa, é duro, subir na vida a pulso não é facil, e esta gente quer é vida boa sem esforço, quer é viver á custo dos outros mas sem patrão!!!
Vão trabalhar: MALANDROS!!!!!!
eehehehehehheh
ehehhehe
ehhh
eh

povoa de varzim online disse...

Lá vou ter de eliminar comentários.

povoa de varzim online disse...

Seja qual for o partido vencedor, a limitação de mandatos já está estabelecida, ou seja, mesmo que Macedo concorra e ganhe só lá pode ficar 4 anos. Ora, segundo ele, 4 anos não dá para fazer obra. Então porque se candidata?
Por outro lado, se o vencedor for um candidato de outro partido, e não estou a ver pernas no CDS nem na CDU, só lá pode ficar 8 anos, o que dá para fazer alguma obra, mas não chega para criar cumplicidades com empreiteiros.
Também não gosto de partidos, mas temos de os aturar.
O que se tem visto, porém, a nível autárquico não é democracia, são formas modernas de despostismo.